segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Oração

                                                     
                                                   Parte 2 (Oração contrária!)


Algo muito comum de se falar no meio evangélico é da oração contrária! a tão “poderosa” oração contrária! feita pelos crentes que guardam a maldade, inveja e iniquidade em seus corações, eles oram contra outros crentes ou da mesma denominação ou de outra, sobre essa oração dizem que devemos repreender, orar contra pois se apenas eles orarem desejando nosso mau! isso acontecerá, então Deus “precisa” que oremos para que ele não atenda a oração do crente vaidoso e atenda a nossa oração de proteção e livramento, será essa oração contraria tão poderosa assim? Devo me preocupar tanto com os crentes que oram ao Senhor pedindo o mau de outros crentes? O que a bíblia diz a respeito disso tudo?
Sl66.18Se eu atender à iniqüidade no meu coração, o Senhor não me ouvirá
Pv28.9Deus despreza até as orações de quem não obedece à sua lei”
Jo9.31 “Sabemos que Deus não atende pecadores, mas ele atende os que o respeitam e fazem a sua vontade”
Esse versos são o sulficiente para vermos que as tais orações contraria não são ouvidas, são desprezadas e não são atendidas por Jeová! a menos que o crente que ora contra o seu irmão não tenha iniquidade em seu coração, obedeça a lei e não esteja cometendo pecado com isso, o que é impossivel no caso da oração contrária, pois a pessoa que ora contra o irmão se enquadra nos três versículos, a bíblia nos da um exemplo prático sobre essa situação, Balaque rei de Moabe quando ficou com medo de perder território para os Israelitas, mandou suas tropas ao proféta Balaão, que era conhecido por amaldiçoar e abençoar, Balaão foi falar com Deus sobre amaldiçoar a Israel, Deus certamente foi contra esta idéia, mas Balaão insistiu na idéia da profecia contrária ao povo que servia o mesmo Deus que ele, pois Balaque o precionava e ele profetizou... Mas sabia que de nada adiantaria sua profecia contra o povo de Deus
Nm23.8 “Como posso amaldiçoar aquele que Deus não amaldiçoou? Como posso condenar aquele que o SENHOR não condenou?”  e no fim ao invés de amaldiçoar ele acabou abençoando  Nm24.10Então a ira de Balaque se acendeu contra Balaão, e bateu ele as suas palmas; e Balaque disse a Balaão: Para amaldiçoar os meus inimigos te tenho chamado; porém agora já três vezes os abençoaste inteiramente
O Cristão não deve ter medo de oração contraria como qualquer outro tipo de magia, feitiçaria, mandinga, macumba, olho gordo, inveja etc. Sabemos que de nos mesmos o que mereciamos era ser consumidos, mas estamos vivos e livres para buscar, servir e adorar a Deus! Na leitura do capitulo 23 e 24 do livro de Número percebemos que as profecias de Balaão eram confiaveis, realmente aconteciam, porem quando se tratando do povo de Deus nada lhes fez, no entanto quando pecaram contra Deus o próprio Deus os condenou “E o Senhor disse a Moisés: "Prenda todos os chefes desse povo, enforque-os diante do Senhor, à luz do sol, para que o fogo da ira do Senhor se afaste de Israel" Nm25.4  com isso devo aprender que ao invés de ficar imaginando o que uma oração contraria ou qualquer coisa contraria possa fazer contra mim, eu devo me posicionar no centro da vontade de Deus (Sl91.1)  e me alegrar em Deus (Fl4.4)

“Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, E os seus ouvidos atentos às suas orações; Mas o rosto do Senhor é contra os que fazem o mal, eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça.
Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça, então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei e buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração. A oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados, confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis.
 A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos”   1Pe3.12 / Is59.1-2 / 1Jo1.9 / Jr29.12-13 / Tg5.15-16

Amém...

Legenda:

Tem modo certo para orar? R (1)
O que é orar? R (2)
A qual pessoa da trindade devo orar? R (3)
Qual oração Deus não recebe? (4)
Deus quer que eu fale com ele? (5)
Porque e para que devo orar? (6)
Quantas vezes devo pedi a mesma coisas para Deus? (7)
Qual oração agrada a Deus? (8)
Sobre o que devo orar? (9)
Devo temer oração contraria?(10)



André Felipe C. de Araujo

Nenhum comentário:

Postar um comentário